.: Guaratinguetá Futebol LTDA. :.
 
  PÁGINA PRINCIPAL ::   Domingo, 02 de Dezembro de 2007 BUSCA
O Guaratinguetá
 
Dados do Clube
 
Clube Empresa
 
Histórico
 
Estádio
 
Letra do Hino
 
Localização no Mapa
 
Campeonatos
 
Ingressos
 
Estatísticas das Campanhas
 
Sala de Imprensa
 
Notícias
 
Deu na Imprensa
 
Contato
 
Galeria de Fotos
 
Torcida Guará x Juventus
 
Guará x Rio Claro
 
Guará x Ponte
 
Guará x Corinthians
 
Guará x Noroeste
 
Festa da Torcida
 
Guará x Juventus
 
Coletivo de Inauguração
 
Fale Conosco
 
Administração
 
 
Mascote
CRIAÇÃO E ARTE: RENATO GUIMARÃES
 
 
 
11/10/2007,06h:27m
Despedida Melancólica.
 

Goleado e elimanado!

Ninguém queria chorar, todos esperavam o melhor, mas o inesperado aconteceu...

 

Jogando fora de casa o Guaratinguetá acabou sendo goleado e eliminado da Copa Federação Paulista de Futebol ainda em sua segunda fase. Uma noite que nada deu certo na “Morada do Sol”, onde a “Fonte Luminosa” esteve acessa apenas para o time Grená que com a vitória alcançou sua classificação com 10 pontos ganhos. Com certeza muitos guaratinguetaenses preferem esquecer o mais depressa possível está noite de pesadelo vivida na última quarta-feira.

 

O vestiário tricolor após a partida era o retrato da tristeza, jogadores chorando e se perguntando o motivo do revés e da eliminação, entre lágrimas e olhares tristes, o presidente Carlos Arini, o Carlito procurava com calma mostrar o significado da derrota, “temos que aprender a lidar com o sucesso e com as derrotas, a eliminação na Copa FPF fará com que o Guará volte aos trilhos”.

 

O Jogo

 

O começo do jogo nem de longe refletiu o placar, o Guará começa melhor, buscando jogadas de ataque e partindo para cima da Ferrinha, logo aos dois minutos Nenê bate escanteio, Cenedesi desvia e Gilberto de cabeça toca por cima do gol grená.

 

Aos sete minutos de jogo, mais uma vez Gilberto tenta surpreender, o zagueiro bate de fora da área e quase encobre o goleiro Éder que com um tapinha manda a bola para escanteio.

 

A primeira estocada da equipe da casa acontece aos oito minutos, Leandro Almeida desceu pela direita e cruzou para dentro da área. A zaga tricolor rebateu e o atacante Marcelo chegou batendo, rente a trave direita de Jaílson.

 

Dois minutos depois o atacante Osny recebe sozinho na área, mas em posição de impedimento, o atacante marca o gol, o árbitro anula corretamente.

 

Apesar do susto a partida estava equilibrada, mas aos 14 minutos Bruno mineiro acerta um passe perfeito para Nenê que invade a área, dribla o goleiro e marca o primeiro dos sete gols da noite, 1x0 para o time do Vale do Paraíba.

 

Em desvantagem no placar a equipe de Araraquara começa a sair para o jogo e tenta criar oportunidades, mas nada que assuste a zaga guaratinguetaense, aos 33 minutos Robson bate um escanteio pela esquerda cheio de perigo e quase faz olímpico, Jaílson bem posicionado salva o Guará.

 

A Ferroviária tem a posse de bola, continua tentar atacar, mas o Guará consegue cozinhar o galo, o grande problema foi querer se servir antes da hora, em cima dos 45 minutos após uma jogada de muita velocidade do ataque grená, após uma bonita tabela, Marcelo marcou o gol de empate para os donos da casa.

 

Alguém anotou a placa?

 

Um 2º tempo fulminante, em menos de vinte minutos o Guaratinguetá tomou três jogos e parecia ter sido atropelado pelo time adversário, após tomar um gol aos 45 minutos da primeira etapa, acabou levando a virada com menos de um minuto da segunda etapa, após um cruzamento vindo da esquerda, Osny subiu sozinho para fazer o gol da virada grená.

 

Nem bem o Guará havia assimilado o golpe e veio o terceiro gol da Ferrinha, mais uma vez Osny que aproveitou um escanteio bem cobrado para fazer seu segundo gol de cabeça na partida.

 

Precisando vencer para continuar respirando na competição, o Guará tentou ir para cima, mas quem marcou mais um foi a Locomotiva, aos 18 minutos  Edu Amparo recebe na esquerda e de fora da área acerta um forte chute no canto direito de Jaílson, marcando o quarto gol.

 

E se com onze atletas a missão era quase impossível, tornou-se ainda mais complicada após a expulsão do zagueiro Gilberto dois minutos após o gol de Edu Amparo.

 

Com toda desvantagem do mundo o Guaratinguetá tentou ser valente e lutou, aos 25 minutos em uma cobrança de falta Nenê apenas toca na bola para Cenedesi acertar um torpedo no ângulo de Eder, um verdadeiro golaço o segundo gol do Guará.

 

Aos 33 minutos Ceará que havia entrado no lugar de Givanildo, tenta outro tiro forte de fora da área, mas a bola passa muito perto do travessão grená.

 

Tocando a bola e esperando o tempo passar a equipe da casa não tem pressa, o Guará tenta usara velocidade na saída de bola, mas não consegue efeitos produtivos, em uma descida da Ferroviária vem o tiro de misericórdia, Téo cobra com perfeição uma falta na gaveta esquerda de Jaílson, fechando em 5x2 o placar da “Fonte Luminosa”.

 

“Não era isso que queríamos, estamos todos tristes e em nome do grupo peço desculpas a torcida do Guará que sempre nos apoiou”, disse após a partida o capitão Nenê.

 

Com a derrota do Guaratinguetá e o empate entre Linense e Sorocaba, a Ferroviária e a equipe de Lins já estão classificadas para segunda fase, restando decidir no domingo quem fica com a liderança do grupo “5”. Mesmo não tendo valor de classificação o presidente Carlito pediu empenho, profissionalismo e dignidade aos seus jogadores na partida diante da equipe sorocabana.

 

“Vocês representam um clube, uma torcida apaixonada, uma cidade, por isso espero que o Guaratinguetá termine está competição com dignidade no domingo”.

 

Guaratinguetá e Atlético Sorocaba se enfrentam no domingo às 11h no “Ninho da Garça”.

 

 Texto: Fabricio Junqueira

 Fotos: Sérgio Pierri/Tribuna Impressa

 

 

Envie esta notícia
 
 Voltar
© Copyright 2001-2006 - Direitos Reservados
.: Guaratinguetá Futebol LTDA. :.